Impacto social da política de legalização da Cannabis sativa (marijuana) no Uruguai

  • Ignacio Pablo Traversa Tejero SNI.Sistema Nacional de Investigadores, Uruguay
Palavras-chave: Cannabis, política pública, impacto social, psicoativo

Resumo

A marijuana (Cannabis sativa L.) é uma planta com múltiplos usos, a psicoativa é a mais diversificada e globalizada. No Uruguai esta droga foi legalizada. O objetivo deste estudo foi identificar o impacto social da sua legalização. Foram aplicados questionários em seis municípios. Verificou-se que a droga causa múltiplos efeitos, um terço dos uruguaios já a utilizaram pelo menos uma vez, e que os canais de acesso ao medicamento são informais, embora os meios legais cheguem a um terço do total dos inquiridos. Três quartos da população desconhecem o objetivo da lei, portanto a sua avaliação quantitativa na escala 1-10 é desfavorável (4,3). Além disso, consideram que a legalização leva ao consumo de outras drogas e afeta o trabalho, o estudo e a vida social. O consumo é independente do nível económico. A população inquirida acredita que a lei atrai o turismo de cannabis.

Publicado
2019-06-30
Como Citar
[1]
Traversa Tejero, I. 2019. Impacto social da política de legalização da Cannabis sativa (marijuana) no Uruguai. Interações: Sociedade e as novas modernidades. 36 (Jun. 2019), 113-133. DOI:https://doi.org/10.31211/interacoes.n36.2019.a5.
Edição
Secção
Artigos